Header

XV e Mirassol empatam em 2 a 2 na ida da semifinal da Copa Paulista

Foto: Marcos Freitas/Agência Mirassol

POR MAURO ADAMOLI – OS ORIGINAIS DA BOLA– (REDAÇÃO PIRAMUNDO)

O XV de Piracicaba empatou com o Mirassol em 2 a 2 na manhã deste domingo (27), no Estádio José Maria de Campos Maia, em Mirassol, pelo jogo de ida da semifinal da Copa Paulista 2019. Raphael Macena e Kadu Barone marcaram os gols do Nhô Quim, enquanto que Gabriel Taliari e Rafael Silva marcaram os tentos do time da casa. Macena marcou seu 12º gol na competição e é o novo artilheiro da Copa Paulista. O jogo de volta será no sábado (2), às 20h30, no Estádio Barão de Serra Negra. Quem vencer estará na final, enquanto que novo empate levará a definição para os pênaltis.

A partida começou às 11h01 e com apenas 23 segundos de partida, o Mirassol abriu o placar. Após o Nhô Quim tentar a primeira ligação, a zaga do Mirassol afastou. Na sobra, Feijão não conseguiu dominar e a bola sobrou para Juninho, que viu a chegada de Gabriel Taliari no meio. O atacante dominou e bateu de fora da área, colocando no canto de Luiz Fernando e abrindo o placar em Mirassol.

O XV respondeu aos sete minutos, após boa jogada de Cássio Gabriel que fez a jogada pela esquerda, cruzou no meio da pequena área, porém Misael foi travado na hora do jogo. Aos 13 minutos, após cruzamento-lateral de Feijão, Macena acertou a cabeçada, mas desviou no zagueiro e a bola saiu pela linha de fundo.

Após pressionar a saída de bola do adversário, o XV chegou ao empate aos 15 minutos. O zagueiro Reniê tocou no meio para o outro defensor do Mirassol, contudo o passe foi curto e Cássio Gabriel roubou a bola, carregou a mesma até a entrada da área e esperou a chegada de Macena, que dominou e soltou uma bomba, sem chances de defesa para o goleiro Matheus.

Após o empate, o Nhô Quim continuou pressionando e virou o placar cinco minutos depois. Após chutão da defesa, a bola sobrou para Macena, que, de frente para o goleiro, tocou para trás para Cássio Gabriel, que esperou a chegada de Kadu Barone. O ponta, sem goleiro, tocou para marcar o segundo gol do Alvinegro.

O XV voltou a assustar após cobrança de falta de Gilberto Alemão, aos 36 minutos. Mesmo com a longa distância, o zagueiro arriscou e bateu rasteiro, passando a direita do gol de Mirassol. Três minutos depois, o Mirassol empatou o jogo com Rafael Silva. Misael perdeu a bola na saída, e o atacante do Mirassol dominou quase na risca da meia-lua e bateu no ângulo, sem chances de defesa para Luiz Fernando. Aos 45 minutos, o XV assustou com cabeçada de Misael, porém a bola saiu pela linha de fundo.

No segundo tempo, o XV voltou mais ligado e assustou com Kadu Barone que, aos sete minutos, cruzou com perigo na área, mas a bola passou por cima do gol de Matheus. O Mirassol respondeu em contra-ataque puxado por Juninho, porém o goleiro Luiz Fernando chegou na bola antes do atacante Rafael Silva.

O Mirassol voltou a assustar com Rafael Silva, que assustou o XV em nova batida de fora da área, mas a bola resvalou em Simião e saiu a esquerda do gol de Luiz Fernando. Aos 19 minutos, após cobrança de escanteio dos mandantes, Juninho desviou e Reniê, na pequena área e sem goleiro, furou e não conseguiu marcar o terceiro gol de sua equipe.

Aos 22 minutos, após jogada de Juninho pela esquerda, ele rolou a bola para Neto Moura, que dominou e bateu colocado, exigindo uma espetacular defesa de Luiz Fernando para evitar a virada. Após escanteio cobrado por Danilo Bueno aos 36 minutos, Paulão desviou para o meio da área e a bola bateu no braço do zagueiro Victor, em pênalti não marcado pelo árbitro.

RÁDIO PIRAMUNDO COM OS ORIGINAIS DA BOLA.
AQUI, O FUTEBOL VAI ALÉM DAS QUATRO LINHAS!

0

ASSINE PARA RECEBER NOVAS PUBLICAÇÕES

1